Adormecer bebé ao colo? Sim ou não?

Adormecer bebé ao colo? Sim ou não?

O Sono do Bebé e Criança apresenta-se muitas das vezes como um enorme desafio aos Pais e Cuidadores.

No último artigo, falamos sobre o porquê do bebé só fazer sestas de 30 min.

A questão que lançamos na página de facebook da Escola Pediatria e Instagram rapidamente gerou uma dualidade de opiniões.

Afinal, é correto ou não adormecer bebé ao colo?

Pois bem… Chegou a hora de ler a opinião da Psicóloga Rita Costa Pereira, a nossa formadora do Curso Sono Bebé e Criança

Adormecer bebé ao colo

Sim ou Não?

adormecer bebé colo

“Dar colo a um bebé/criança é obrigatório! Dar colo a um bebé/criança para dormir não está de todo errado!

No colo os bebés além de regularem a sua temperatura, regulam também as suas emoções. Estar sozinho é difícil; estar sozinho na hora de dormir é ainda mais difícil!! 

Dormir implica perder o controlo de todas as situações à nossa volta. O que significa que para adormecermos temos de estar perfeitamente convictos de que aquele ambiente não coloca a nossa sobrevivência em risco. Como é que o bebé consegue esta certeza? Com a mãe ou o pai por perto e/ou preferencialmente nos seus braços.

Se pensamos bem, nós adultos dormimos acompanhados e, quando o/a nosso/a companheiro/a não está, a grande maioria de nós, tende a dormir pior, porque nos falta o conforto e a segurança do outro. E somos adultos certo? Capazes de contruir um pensamento lógico?! Então, porque é que continuamos a exigir aos bebés esta autonomia? 

O colo ajuda pais e bebés a criarem uma vinculação segura, que se configura posteriormente em bebés mais capazes, seguros e autónomos. Dê colo e não dê ouvidos às vozes que se levantam contra, com desculpa que de vamos habituar mal o bebé.

Nunca ninguém sofreu perdas desenvolvimentais por excesso de mimo!! <3

Rita Costa Pereira

Psicóloga Clínica e da Saúde

Cédula nº 022633

Adormecer bebé ao colo por Rita Pereira

Para receber este e mais artigos no seu email:

newsletter

Partilhar

Adicionar Comentário

O seu email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *